quarta-feira, maio 07, 2008

Nós

Às vezes se eu me distraioSe eu não me vigio um instanteMe transporto pra perto de vocêJá vi que não posso ficar tão soltaMe vem logo aquele cheiroQue passa de você pra mimNum fluxo perfeito

Enquanto você conversa e me beijaAo mesmo tempo eu vejoAs suas cores no seu olho, tão de pertoMe balanço devagarComo quando você me embalaO ritmo rola fácilParece que foi ensaiado

E eu acho que eu gosto mesmo de vocêBem do jeito que você éEu vou equalizar vocêNuma freqüência que só a gente sabeEu te transformei nessa cançãoPra poder te gravar em mim

Adoro essa sua cara de sonoE o timbre da sua vozQue fica me dizendo coisas tão malucasE que quase me mata de rirQuando tenta me convencerQue eu só fiquei aquiPorque nós dois somos iguais

Até parece que você já tinhaO meu manual de instruçõesPorque você decifra os meus sonhosPorque você sabe o que eu gostoE porque quando você me abraçaO mundo gira devagar

E o tempo é só meuE ninguém registra a cenaDe repente vira um filmeTodo em câmera lentaE eu acho que eu gosto mesmo de vocêBem do jeito que você é

Eu vou equalizar vocêNuma freqüência que só a gente sabeEu te transformei nessa cançãoPra poder te gravar em mim (2x

3 comentários:

Gisele disse...

Que amor, hein!
Migaaaaaa, to igualzinho você!
De saco cheio de tanta restrição, to ficando paranóica!
Acho que esse lance das doênças faz muito sentido. Gostei muito!
Beijocasssss

Maus disse...

Adorei!!! Lindo!!! TE AMO!!!

Ingrith disse...

Eu adoro essa música!

Você sempre vem aqui?